O Brasil é um dos países que mais estuda inglês no mundo e, ao mesmo tempo, um número muito pequeno de pessoas consegue falar inglês com fluência.

Eu estudo inglês desde os 7 anos de idade. Tive o privilégio de estudar em uma escola onde já no primeiro ano do ensino fundamental havia uma classe de inglês. Isso foi muito legal! Lembro até hoje do Professor Marcos. Isso abriu a minha visão e criou em mim um interesse por línguas estrangeiras. Mais tarde me interessei também pelo espanhol, estudei sozinho e passei algum tempo morando no Chile onde pude praticar muito e hoje posso falar espanhol com fluência. Devido aos meus ancestrais italianos decidi também aprender italiano e posso ler e entender tudo em italiano e ainda conversar um pouco, embora eu não tenha me aprofundado muito na conversação do idioma italiano.

Certa vez trabalhei em um hotel e gostava muito de falar em inglês com os clientes internacionais. Mas algo que me frustrava era o fato de eu não entender tudo o que eles falavam. Se o telefone tocava dava até um frio na barriga, eu entendia algumas coisas mas não entendia tudo. Isso me dava um sentimento muito ruim.

Quando fui morar nos Estados Unidos em menos de 6 meses eu estava entendendo tudo o que as pessoas falavam e podia expressar praticamente tudo o que eu precisava. Entendi que a conversação frequente em inglês é fundamental para desenvolver fluência. Nós precisamos ver a face da outra pessoa, ouvir as palavras, notar os lábios como se movem ao expressar as palavras. Nosso cérebro aprende muito por visualização e isso é muito importante. Nós gravamos gestos, modos, formas, cores e uma série de coisas que podemos absorver através de observação e percepção.

Uma coisa que me ajudou muito foi a leitura, mas preciso fazer uma observação muito importante sobre isso. Quando as pessoas dizem que é importante ler em inglês elas estão explicando apenas parte da verdade. Uma coisa muito importante que você precisa aprender é que você tem que ler sobre assuntos que você gosta muito, mas que você gosta muito mesmo! Ao ler sobre assuntos que você aprecia e que te fazem feliz você irá acelerar o seu aprendizado em centenas de vezes.

É comum os estudantes de inglês mergulharem em grandes livros de gramática e outras coisas super profundas e detalhadas sobre o idioma inglês, mas se você não tiver um “dom” para gostar dessas matérias da área de Letras e todos os detalhes que elas trazem, logo você vai ficar desanimado e vai desistir e vai achar que aprender inglês é uma coisa muito difícil. Portanto, não se engane, encontre livros, vídeos e temas que te interessam muito. Encontre aquelas coisas que deixam a sua alma feliz quando você está lendo, ouvindo, vendo e aprendendo. É com essas coisas que você deve se envolver em inglês em primeiro lugar. Você pode aprofundar seus conhecimentos de regras gramaticais ao longo do caminho, mas estudar somente por livros de regras gramaticais pode fazer com que uma pessoa perca a vontade de aprender a conversar, que é o mais importante no fim da história.

Uma dica legal que posso dar é sobre vídeos com transcrição. Vou citar como exemplo TED Talks, que são palestras, discursos e aulas sobre os temas mais variados, com certeza você encontrará algum tema que será do seu interesse.

Encontre o vídeo de uma palestra sobre um assunto que você gosta muito. Então imprima a transcrição dessa palestra. As palavras da transcrição serão exatamente o que a pessoa está falando. A princípio você pode não entender todas as palavras, então pegue seu dicionário e com uma lapiseira ou caneta de ponta fina escreva a tradução em português nas entrelinhas. Faça um estudo minucioso desse discurso e tenha certeza de que você o entende da cabeça aos pés.

Fez o estudo da palestra? Está entendendo tudo agora? Então ligue o vídeo e ouça calmamente o palestrante e se quiser olhe para a transcrição para confirmar como se escreve as palavras que você está ouvindo. Faça isso repetidas vezes. Observe como ele fala, como se expressa, observe os lábios, as expressões faciais, note como a pronúncia de certas palavras não tem absolutamente nada a ver com o que está escrito e memorize esse detalhe. E por último, a prova final, agora ouça novamente a palestra com os olhos fechados e visualize cada palavra que está sendo falada, como se elas estivessem correndo em um letreiro mental. Faça isso quantas vezes quiser até que você tenha certeza de que conseguiu visualizar cada palavra que foi falada. Parabéns, você conseguiu entender tudo que alguém falou em inglês. Seu cérebro está cansado, parece que está meio dolorido até, mas é assim mesmo. Mas não ficarão sequelas, pode ficar tranquilo. Pelo contrário, você vai ter muito orgulho e vai ficar cada vez mais entusiasmado.

Através desse exercício, em pouquíssimo tempo você estará entendendo tudo o que as pessoas falam em inglês. Você vai tirar a nota máxima em testes de listening e comprehension, garantido. Agora escolha um novo discurso que fale para a sua alma e repita o processo.

Boa sorte em seus estudos e espero que você tenha muito progresso em sua conversação em inglês!

O domínio Conversation.com.br pode ser usado por escolas de inglês e professores particulares de inglês. Para adquirir este domínio, clique aqui.
Como Aumentar a Compreensão do Inglês Para Facilitar a Conversação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *