Forbes.com

Quando se trata de cultivar uma perspectiva global, algumas pessoas têm sorte. Gregory Unruh tinha um colega suíço na faculdade que cresceu falando cinco línguas, enquanto Unruh – como muitos americanos – só falava Inglês. “Para um monte de pessoas nascidas em países poliglotas, ou para crianças de expats ou diplomatas, há uma vantagem”, diz Unruh, co-autor (com Angel Cabrera) de Ser global: Como pensar, agir e liderar em um mundo transformado. “Mas descobrimos que você não tem que nascer assim. Você pode fazer-se em um líder global através de decisão consciente em qualquer ponto em sua vida.”

Unruh, hoje professor na Thunderbird School of Global Management, fez uma escolha perto dos 30 anos de idade, a de abraçar uma perspectiva internacional – e se o seu objetivo é liderar o novo escritório de Xangai ou simplesmente se tornar uma pessoa mais cosmopolita, aqui estão algumas dicas de como você pode se tornar um líder global melhor.

1. Aprender uma nova língua.

Embora o Inglês seja a língua de negócios mais comumente usada, você ainda pode turbinar sua carreira e compreensão de outras culturas através do desenvolvimento de habilidades estrangeiras – mesmo as rudimentares. Você pode se inscrever para uma aula ou fazer um esforço para aprender em seu próprio país. “Há cursos de áudio que você pode usar enquanto estiver dirigindo seu carro”, diz Unruh, “por isso não há desperdício de tempo.”

2. Assista notícias internacionais.

Graças à Internet, as suas opções de mídia agora vão muito além das “três grandes” redes e um punhado de cabeças falantes da TV. “A Internet permite que você assista a versão em inglês de notícias do Japão ou da Alemanha ou do Oriente Médio”, diz Unruh. É uma ótima maneira de entender o que é considerado importante nos países – e um bom barômetro de como eles percebem seus compatriotas.

3. Fazer amigos estrangeiros.

Você não tem que viver no estrangeiro para cultivar uma mentalidade global, diz Unruh. Graças a vistos de imigração e de trabalho, muitos de nós já tem colegas de outras nações. “Você pode encontrar pessoas de outras culturas em seu escritório ou em sua comunidade”, diz ele. “Algo tão simples como ter almoço em um restaurante afegão já é um passo importante. Escolha uma tarde para convidar um colega de trabalho que é um imigrante para o almoço ou café”.

4. Compreender os aspectos globais da sua empresa.

Pode ser difícil receber uma designação internacional se você ainda não tem experiência internacional. Para romper esse obstáculo, Unruh aconselha que você mergulhe em outros aspectos globais da sua empresa, tais como a cadeia de abastecimento. “Sua empresa necessita de materiais de uma região geográfica específica? Novos clientes estão surgindo de partes específicas do mundo? Procure uma oportunidade para se tornar parte desses projetos “, aconselha.

5. Tirar férias internacionais.

Claro, você pode tirar suas férias na praia. Mas por que não usar o seu tempo de férias para aprender sobre novas culturas, em vez disso? Unruh sugere buscar oportunidades de serviço durante a viagem, ou passeios focados na cultura local. “Você deve ir para comunidades menores e se aproximar dos habitantes locais, não apenas de grupos de turistas ricos”, diz ele.

Tornar-se um líder global não acontece sem esforço. Mas as recompensas pessoais e profissionais de desenvolvimento de uma perspectiva internacional podem ser enormes. O verdadeiro teste de sucesso? Quando você está indo para um novo país, você reconhece suas limitações – e suas novas habilidades. “Não é que você entende e sabe tudo”, diz ele. “Mas você sabe que tem os recursos e a capacidade para fazer as coisas funcionarem.”

Como você desenvolveu suas habilidades como um líder global? Que conselho você daria para os outros?

O domínio Conversation.com.br pode ser usado por escolas de inglês e professores particulares de inglês. Para adquirir este domínio, clique aqui.
Falar Inglês é Fundamental Para se Tornar um Líder Global

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *